Campanha Novembro Azul faz alerta sobre o câncer de próstata e saúde do homem

Lançada durante Congresso de Urologia, campanha marca a criação da Comissão de elaboração do Programa Estadual de Prevenção e Controle do Câncer de Próstata em Minas

31-10_Marcus_Ferreira3

Reprodução
Crédito: Marcus Ferreira

A Campanha Novembro Azul foi lançada nesta quinta-feira, 30 de outubro, e tem o objetivo de conscientizar os homens sobre a importância do autocuidado e do diagnóstico precoce do câncer de próstata. O ponto forte da campanha é sensibilizar os homens com mais de 50 anos para que eles procurem seu médico ou o a unidade básica de saúde para o acompanhamento seu estado de saúde. Aos homens negros ou com histórico da doença na família, os cuidados devem começar aos 45 anos, já que é um grupo que apresenta maior risco da doença.

Além do câncer de próstata, a campanha também visa incentivar os homens a terem mais atenção com a própria saúde, já que as mortes masculinas por outros tipos de câncer e por doenças crônicas como hipertensão e diabetes são maiores que no público feminino.

Esta é a primeira vez que a Secretaria de Estado de Saúde participa da campanha realizada mundialmente. E não por acaso, escolheu a data para criar uma Comissão para elaboração do Programa Estadual de Prevenção e Controle do Câncer de Próstata em Minas Gerais e da implantação e implementação da Política Estadual de Atenção Integral à Saúde do Homem.

Para o Secretário de Estado de Saúde, José Geraldo de Oliveira Prado, esta é uma grande oportunidade para avançar nos cuidados integrais à saúde do homem. “Minas tem o protocolo mais avançado do País para tratamento do câncer e uma rede de atenção especializada para atender o homem desde sua chegada à atenção básica. Mas nos faltava sistematizar melhor uma política de saúde voltada para o público masculino. E hoje estamos assinando uma resolução que cria uma comissão para elaborar esse programa”, informou.

O avanço em uma política específica para a saúde masculina também foi comemorado pela coordenadora da Política Estadual da Saúde do Homem, Rejane Aparecida Alves. “Já temos vários serviços que fazem o acompanhamento da saúde dos homens no estado. Mas a exemplo dos cuidados com a saúde da mulher, do idoso e da criança, criar políticas que olhem especificamente para as demandas desse público também é importante para termos uma melhora na qualidade do atendimento. E são essas políticas que serão discutidas por essa comissão”, ressaltou.

O presidente da Sociedade Brasileira de Urologia regional Minas Gerais, Antônio Peixoto de Lucena Cunha, chamou a atenção para o aumento da incidência do câncer de próstata na população brasileira devido ao aumento da expectativa de vida. “Mais de 40% dos homens no Brasil não vão ao urologista e por isso a importância dessa campanha para a conscientização. O grande problema é que o câncer de próstata não apresenta sintomas nos períodos iniciais. E nos estágios avançados só há tratamento paliativo. Por isso a importância do diagnóstico precoce. Essa parceria com a Secretaria de Estado de Saúde é fundamental porque todos somam forças e agregam valores”, alertou.

Durante o lançamento da campanha, o jornalista Eduardo Costa, representante dos padrinhos do Novembro Azul, contou sua experiência com a doença e deixou um recado para que os homens superem o medo dos exames de prevenção. O jornalista entregou ao Secretário de Estado de Saúde, José Geraldo de Oliveira Prado, um depoimento emocionado que recebeu de uma ouvinte agradecendo as orientações sobre a doença que o jornalista compartilhou em seu programa e que possibilitaram que ela convencesse o marido a realizar os exames que detectaram a doença do companheiro.

31-10_Marcus_Ferreira4

Reprodução
Crédito: Marcus Ferreira

Para 2014 são esperados 68 mil novos casos de câncer de próstata no País. Em Minas, a expectativa é de 7.990 novos casos. No Brasil o câncer de próstata é o segundo tipo de câncer que mais mata a população masculina, ficando atrás apenas do câncer de pele. Em Minas, é a neoplasia de maior mortalidade entre os homens.

Durante todo o mês de novembro a SES realiza ações de conscientização e mobilização voltadas à população masculina, com palestras em empresas com quadro de funcionários majoritariamente masculinos; distribuição de material informativo, entre outras. Pontos turísticos e estátuas masculinas espalhadas nas ruas da capital serão iluminados de azul para lembrar a importância do diagnóstico precoce e dos cuidados com a saúde do homem.

Por Giselle Oliveira

Fonte: Saúde MG

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Both comments and pings are currently closed.

Comments are closed.

Powered by WordPress | Download Free WordPress Themes | Thanks to Themes Gallery, Premium Free WordPress Themes and Free Premium WordPress Themes
WP-Backgrounds by InoPlugs Web Design and Juwelier Schönmann