Comida di Buteco: A História

O maior concurso de cozinha de raiz do Brasil. Até o dia 12 de maio, petiscos com mandioca e linguiça serão servidos na disputa do melhor boteco da cidade. 

download (5)

Reprodução

De 12 de abril a 12 de maio, o Comida di Buteco apresentará 400 petiscos onde a linguiça e a mandioca serão os convidados especiais. Neste ano, o maior concurso de cozinha de raiz do Brasil, pela primeira vez, será realizado simultaneamente nas 16 cidades participantes, propondo a unificação dos ingredientes especiais em todas elas. Os botecos do Brasil estão aí para provar que é possível comer bem sem complicação. Nosso concurso ajuda a divulgar esse delicioso universo.

Há séculos, o boteco faz parte da paisagem de nossas cidades. Mas por ser um espaço de comércio popular, não despertava a atenção necessária e, portanto, vivia à margem da sociedade. Quando o Comida di Buteco começou em Belo Horizonte, foi como se colocássemos um holofote sobre toda a riqueza da culinária de raiz da nossa região e destes estabelecimentos que tem, em sua maioria, uma história familiar por trás. Isso mudou a forma como as pessoas viam o boteco, e, junto a esse carinho para o qual a população se despertou, os estabelecimentos também tiveram a oportunidade de se profissionalizar e de se tornar sustentável, sem deixar de lado sua essência.

Eduardo Maya

1999

Eduardo Maya apresenta um projeto à Rádio Gerais FM: um concurso entre botecos de Belo Horizonte. A proposta ganhou a adesão de João Guimarães – proprietário da emissora – e de Maria Eulália Araújo – diretora-executiva da rádio. Foi ela que sugeriu o nome Comida di Buteco.

2000

Primeira edição do Comida di Buteco, com 10 botecos participantes. Logo no ano de inauguração o concurso conquistou público e crítica.

2005

Com o fim da Rádio Geraes FM, o concurso se tornou independente, com Eduardo e Maria Eulália à frente. O Comida di Buteco já era o maior concurso do gênero do Brasil.

2007

O Comida di Buteco é citado no New York Times. Os gringos se rendem ao sabor dos botecos de Belo Horizonte.

2008

Os executivos Ronaldo Perri e Flávia Rocha se associam ao Comida di Buteco e dão andamento ao processo de expansão para outras cidades. Rio de Janeiro, Goiânia e Salvador entram no concurso.

2010

Mais cidades participam: Ipatinga, Montes Claros, Poços de Caldas, Uberlândia, todas no interior de Minas Gerais, além de Campinas, Ribeirão Preto e Rio Preto, no interior paulista.

2011

Outros quatro municípios passaram a sediar o concurso: Belém,  Fortaleza, Juiz de Fora e Manaus

2012

O Comida di Buteco chega a São Paulo, maior cidade do Brasil, com 50 botecos participantes.

2013

Presente em 16 cidades brasileiras, o Comida di Buteco é amplamente reconhecido por seu papel de divulgação da cozinha de raiz. Desenvolvimento de um processo estruturado de franqueamento.

Fonte:  Comida di Buteco  +  detalhes

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Both comments and pings are currently closed.

Comments are closed.

Powered by WordPress | Download Free WordPress Themes | Thanks to Themes Gallery, Premium Free WordPress Themes and Free Premium WordPress Themes
WP-Backgrounds by InoPlugs Web Design and Juwelier Schönmann