10 perguntas sobre o câncer de próstata


Depois do câncer de pele, ele é o tumor maligno mais comum nos homens, representando cerca de 10% de todos os cânceres diagnosticados

novembro-azul

Reprodução Web

1. O que é a próstata?
A próstata é uma glândula localizada na região pélvica do homem, apresentando um formato semelhante à de uma noz. Situa-se logo abaixo da bexiga e à frente do reto, sendo atravessada pela uretra, canal que se estende desde a bexiga até a extremidade do pênis e por onde a urina é eliminada.

2. Qual a função da próstata?
A principal função da próstata é produzir uma secreção fluida para nutrição e transporte dos espermatozoides, que são originados nos testículos e levados até a vesícula seminal através dos ductos deferentes. Juntamente com as secreções das vesículas seminais e das glândulas periuretrais, constituem o sêmen, que é o líquido expelido durante a ejaculação. Durante a ejaculação ocorre contração da vesícula seminal e eliminação do sêmen através dos ductos ejaculadores que passam pela próstata e desembocam na uretra.

Brasil registrou em 2015 mais de cinco estupros por hora, mostra anuário


1023761-rj_060616_dsc6722

Reprodução


  • 03/11/2016 09h28publicação
  • São Paulo

Camila Boehm – Repórter da Agência Brasil


Mais de cinco pessoas são estupradas por hora no Brasil, mostra o 10º Anuário Brasileiro de Segurança Pública, produzido pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública (FBSP), divulgado hoje (3). O país registrou, em 2015, 45.460 casos de estupro, sendo 24% deles nas capitais e no Distrito Federal. Apesar de o número representar uma retração de 4.978 casos em relação ao ano anterior, com queda de 9,9%, o FBSP mostrou que não é possível afirmar que realmente houve redução do número de estupros no Brasil, já que a subnotificação desse tipo de crime é extremamente alta.

“O crime de estupro é aquele que apresenta a maior taxa de subnotificação no mundo, então é difícil avaliar se houve de fato uma redução da incidência desse crime no país”, disse a diretora executiva do Fórum, Samira Bueno.

Finados


finados-1

Reprodução Web


 


O Dia de Finados ou Dia dos Mortos é celebrado anualmente em 2 de novembro. No Brasil, esta data é um feriado nacional.

A celebração de Finados é bastante importante para algumas religiões, principalmente para a Igreja Católica, que considera esta data como um momento especial de homenagem a todos os entes queridos que já morreram.

Nesta data, o movimento nos cemitérios é intenso, pois muitas pessoas vão deixar flores e fazer orações nos túmulos de familiares ou amigos.

A religião protestante não reconhece o feriado do Dia de Finados como uma celebração, pois alegam que a data não está presente na Bíblia, consequentemente eles não têm motivos para comemorar ou homenagear.

Em inglês, o Dia de Finados é traduzido para All Soul’s Day (“Dia de Todas as Almas”, na tradução literal para o português).

Dia de Todos os Santos


 


dia-de-todos-os-santos-2

Reprodução Web

O Dia de Todos os Santos é celebrado anualmente em 1 de novembro.

Esta é uma data dedicada a celebração e homenagem de todos os santos e mártires das igrejas cristãs. O Dia de Todos os Santos é reconhecido pelos Católicos, Ortodoxos, Anglicanos e Luteranos. O Dia de Todos os Santos não é feriado no Brasil.

Supostamente, a ideia de homenagear todos os santos Mártires teria começado por volta do ano 835 d.C, quando a Igreja Católica Romana decidiu dedicar o dia 1º de novembro a todos aqueles que se dedicaram a uma vida santa, mas não foram lembrados ao longo do ano.

Normalmente, o Dia de Todos os Santos é celebrado nesta data em todo o ocidente, enquanto que no oriente a comemoração acontece no primeiro domingo após o Pentecostes.

HISTÓRIA DO HALLOWEEN

null

Divulgação


Por Rainer Sousa – Mestre em História


Em declaração feita no ano de 2009, o Vaticano condenou o Halloween como uma festa perigosa carregada por vários elementos anticristãos. No Brasil, observamos que algumas pessoas torcem o nariz para a comemoração do evento por entendê-lo como uma manifestação distante da nossa cultura. No fim das contas, muito se diz a respeito, mas poucos são aqueles que examinam minuciosamente os significados e origens de tal festividade. 

Desde a Antiguidade, observamos que várias festividades populares eram cercadas pela valorização dos opostos que regem o mundo. Um dos mais claros exemplos disso ocorre com relação ao carnaval, que antecede toda a resignação da quaresma. No caso do Halloween, desde muito tempo, a festividade acontece um dia antes da “festa de todos os santos” e, por isso, tem seu nome inspirado na expressão “All hallow’s eve”, que significa a “véspera de todos os santos”. 

Só um tapinha: agressões afetam autoestima e causam depressão e estresse na vida adulta

20081123120727-violencia-de-genero_0

Reprodução


Criado em 27/10/16 11h00 e atualizado em 27/10/16 11h27
Por Sociedade Brasileira de Pedriatria


Pais amorosos que usam o tapa como instrumento pedagógico estão desinformados. É preciso tomar cuidado com certas “verdades” estabelecidas, mesmo que passadas de geração a geração. Não se pode dizer que crianças que apanharam tornaram-se um adulto melhor; mas o inverso já está fartamente atestado.

Não há comprovação de que as agressões físicas (tapas, beliscões, podendo chegar a surras) levadas na infância contribuíram para uma vida adulta melhor. Ao contrário, especialistas que se dedicaram à questão da violência contra crianças e adolescentes já comprovaram, com base em estudos clínicos, que crianças vítimas de maus-tratos carregam, pela vida afora, males diversos, destacando-se as “doenças da alma”: terrores, infelicidades, depressão, angústia, estresse e medo.

Brasil tem mais mortes violentas do que a Síria em guerra


vp_protesto-com-caixoes-na-praia-de-copacabana-no-rio-de-janeiro_11102015002-850x567

Reprodução


  • 28/10/2016 06h37 – São Paulo

Bruno Bocchini – Repórter da Agência Brasil


O Brasil registrou mais mortes violentas de 2011 a 2015 do que a Síria, país em guerra, em igual período. Os dados, divulgados hoje (28), são do Anuário Brasileiro de Segurança Pública, do Fórum Brasileiro de Segurança Pública.

Foram 278.839 ocorrências de homicídio doloso, latrocínio, lesão corporal seguida de morte e mortes decorrentes de intervenção policial no Brasil, de janeiro de 2011 a dezembro de 2015, frente a 256.124 mortes violentas na Síria, entre março de 2011 a dezembro de 2015, de acordo com o Observatório de Direitos Humanos da Síria.

“Enquanto o mundo está discutindo como evitar a tragédia que tem ocorrido em Alepo, em Damasco e várias outras cidades, no Brasil a gente faz de conta que o problema não existe. Ou, no fundo, a gente acha que é um problema é menor. Estamos revelando que a gente teima em não assumi-lo como prioridade nacional”, destacou o diretor-presidente do Fórum Brasileiro de Segurança Pública, Renato Sérgio de Lima.

Supremo valida Lei dos Diretos Autorais que modifica atuação do Ecad


bancoimagemfotoaudiencia_ap_328162

Reprodução


  • 27/10/2016 15h37  – Brasília

André Richter – Repórter da Agência Brasil


O Supremo Tribunal Federal (STF) validou hoje (27) a Lei 12.853/2013, conhecida como Lei dos Direitos Autorais. A decisão foi proferida por 8 votos a 1 a favor de constitucionalidade da norma. O julgamento começou em abril e foi finalizado nesta tarde com os últimos três votos.

A norma definiu novas condições de cobrança, arrecadação e distribuição de recursos pagos por direitos autorais de obras musicais e foi contestada no Tribunal pelo Escritório Central de Arrecadação de Direitos Autorais (Ecad) e pela União Brasileira de Compositores (UBC).

No julgamento, a maioria dos ministros seguiu o entendimento do relator, Luiz Fux, a favor da lei. Em abril, ao votar, o ministro entendeu que as regras da norma são constitucionais por darem mais poderes aos autores e não às associações na arrecadação e distribuição dos direitos autorais.

Powered by WordPress | Download Free WordPress Themes | Thanks to Themes Gallery, Premium Free WordPress Themes and Free Premium WordPress Themes
WP-Backgrounds by InoPlugs Web Design and Juwelier Schönmann