#somostodosmaju

“Não é a cor, dinheiro, sexo, religião que define caráter. Não é o modo ou de que trabalha que vai definir o que a pessoa é, conheçam para depois julgar. É um feitio moral. É a firmeza e coerência de atitudes”.

#Somos todos Maju

Divulgação
#somostodosmaju

O preconceito racial é o que mais se abrange em todo o mundo, pois as pessoas julgam as demais por causa de sua cor, ou melhor, raça. Porque ligar pelo que é por fora sendo que quando morremos os ossos ficam, eles vão mostrar a cor? Porque ligar se por dentro temos coração, pulmões, artérias e vários outros órgãos iguais? Não dá mesmo para entender a sociedade. O time de futebol do coração perde para um time adversário e você vê a torcida oposta comemorando e provocando. Para tentar de alguma forma deter a alegria deles parte-se para a apelação de ordem preconceituosa. Também é assim na religião,  política que  na época do coronelismo (República Velha – 1889-1930) qualquer pessoa que se negasse a votar no candidato indicado pelo coronel era vítima de violência física ou perseguição pessoal. O controle do processo eleitoral por meio de tais práticas ficou conhecido como “voto de cabresto”. Alguns políticos ainda mantém esta mentalidade retrógrada. A homossexualidade, ninguém é obrigado a ser a favor nem a ser contra, mas é necessário respeitar e em outros segmentos onde o fanatismo impere. Enfim, o preconceito é uma prova de inferioridade. O combate ao preconceito é obrigação de todos. Afinal, “#somostodosmaju”! Por (Eni)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Both comments and pings are currently closed.

Comments are closed.

Powered by WordPress | Download Free WordPress Themes | Thanks to Themes Gallery, Premium Free WordPress Themes and Free Premium WordPress Themes
WP-Backgrounds by InoPlugs Web Design and Juwelier Schönmann